Loading...

15 de junho de 2010

VETO À VISTA

Jornal do Brasil - 15/06/2010


LULA ANUNCIA HOJE SE VETA AUMENTO DE 7,7%
Presidente deve barrar reajuste maior para os aposentados


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu a entender que vetará hoje o reajuste proposto pelo Congresso para o mínimo, que afeta diretamente os aposentados. "Não vou fazer nenhuma extravagância", afirmou, preocupado com o impacto do reajuste nas contas da Previdência e rejeitando concessões eleitorais. O presidente afirmou também já ter uma avaliação sobre a emenda que reduz o repasse de royalties dos estados produtores. Mas, apesar disso, só deverá pronunciar-se após a decisão da Câmara.



Em Minas, presidente falou sobre emendas ao pré-sal

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva decide hoje se veta ou não o reajuste de 7,7% a aposentados que ganham mais de um salário mínimo, e também se derruba o fim do fator previdenciário, ambas medidas aprovadas pelo Congresso.

É praticamente certo que o presidente vetará o fim do fator previdenciário, mas o veto aos 7,7% ainda é incerto, apesar dos conselhos de seus minitros para que haja o veto.

Durante inauguração de um gasoduto da Petrobras em Minas, Lula também falou sobre as emendas do marco regultaório do pré-sal, que ainda serão votadas na Câmara, incluindo a que modifica a divisão dos royalties do petróleo, medida que, se aprovada, prejudicaria a arrecadação do Rio de janeiro e do Espírito Santo.

O presidente disse que já tem opinião formada, mas que só se manifesta depois que o projeto chegar à sua mesa – Quando chegar eu chamo as pessoas que têm que dar parecer, a Fazenda, a Previdência, o Planejamento.

Se o parecer for de acordo com o meu, muito bem. Se eles quiserem vetar e eu não, eu não veto.


Nenhum comentário: