Loading...

31 de julho de 2011

NOVAS DENÚNCIAS DE FRAUDES EM MINISTÉRIOS

Novas denúncias de corrupção voltaram a agitar a base aliada do governo neste fim de semana. Segundo reportagem da revista Isto É, no ano eleitoral de 2010, o Ministério das Cidades liberou pagamentos irregulares em favor de três grandes empreiteiras, que doaram mais de R$ 15 milhões ao PP, partido que comanda a pasta.

Em entrevista à revista Veja, Oscar Jucá Neto, irmão do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), denunciou aparelhamento idêntico no Ministério da Agricultura em favor do PMDB e do PTB. No caso do Ministério das Cidades, o PP teria aparelhado a pasta nos moldes do que fez o PR na área dos Transportes, onde a presidente Dilma Rousseff realiza uma faxina que já causou a demissão de 20 membros do alto escalão, entre os quais o ex-ministro Alfredo Nascimento.

No caso do Ministério da Agricultura, Oscar Jucá Neto denunciou a existência de um consórcio entre PMDB e PTB para arrecadar dinheiro espúrio, tendo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) como posto avançado da operação. “Ali só tem bandido”, afirmou à Veja o irmão do líder do governo no Senado.

Oscar foi demitido semana passada da diretoria da Conab pela presidente Dilma Rousseff, após denúncia de que ele autorizara o pagamento

irregular de R$ 8 milhões a uma empresa de armazenagem, sem aval do presidente da estatal, Evangevaldo Pereira dos Santos, e do ministro Wagner Rossi.

Nenhum comentário: